Debate na Ala Oeste

Fim de semana passado, enquanto zapeava pela Net, fiquei surpreso ao me deparar com um profícuo debate entre dois candidatos à presidência dos EUA: o deputado democrata Matt Santos (juro que não é meu parente) e o senador republicano Arnold Vinick…

De olho em todos

Eu, enquanto não pousar na Terra um Avatar que seja nosso rei-filósofo, continuarei um, digamos, mais ou menos libertarian, isto é, alguém que não curte nem um pouquinho as safadezas do Estado, seja este de esquerda, seja de direita…

Monteiro Lobato e o Governo Brasileiro

Depois de ter sido preso pelo “crime de sinceridade” – escrevera uma carta esperançosa ao Getúlio Vargas cheia de conselhos e reclamações ao Conselho Nacional de Petróleo -, Monteiro Lobato finalmente perdeu as esperanças para com o futuro do Brasil sob tão terrível governo.

Choque de Civilizações?

Choque de Civilizações? Não, choque de textos, as civilizações já estão desarticuladas há muito, mas seus núcleus ainda vagam por aí. O mundo deve se preparar, portanto, para o próximo upgrade

Sinhozinho Lula

Em vista das diatribes do Deputado Roberto Jefferson, recheadas dum coquetel de grandes omissões e terríveis verdades, decidi parafrasear uma crônica que escrevi meses atrás que descreve a mesmíssima situação com pequena variação de personagens.

A vitória de Schiller e Beethoven

Na verdade, quanto mais dementados existirem numa nação, mais apelos insidiosos serão emitidos ao coração do povo. Mas uma vida política sã só se dará no contato lúcido das mentes. E se a mente é serva do coração, este, por sua vez, não deveria pertencer a ninguém deste mundo.

Enxugando o pau

Essa resistência aos americanos, no Iraque, obviamente não é originária de lá. Tudo o que um povo quer é paz, não quer agitação sangrenta. Ou será que esse povo morre mesmo de medo de ser dominado pelo “jeitinho americano” e de ver seu país tornar-se um lugar tão horrível pra se viver quanto o Japão, a Alemanha e a Itália, os perdedores da Segunda Guerra?