Posts Tagged ‘ Mulheres ’

De quatro

De quatro

Quando ele a penetrou por trás, ela perguntou: — Em quem você vai votar? Ficou aturdido por alguns segundos, sem saber em qual cintura colocar as mãos: na própria ou na dela? — Que pergunta é essa? — resmungou, contrariado. — Isso lá é hora de falar sobre as eleições? — Você vai votar...
Continua»

Tags: , , , ,
Publicado em Contos | Sem comentários »

Direitomeu e Esquerdoleta

Direitomeu e Esquerdoleta

Enquanto isso, no centro acadêmico de História: — Ei! Tira a mão de cima de mim, seu reaça! — Calma, garota — e sorriu, confiante. — Sabia que eu tenho algo que é meio torto pra esquerda? — Ah, é? E você sabia que eu sei dar um gancho de direita? — Tá vendo?...
Continua»

Tags: , , ,
Publicado em Contos | Sem comentários »

Teologia da maconha (um conto BASEADO em fatos reais)

Teologia da maconha (um conto BASEADO em fatos reais)

— A gente devia ir agora no Facebook e confessar pra todo mundo que somos dois coxinhas ex-malucos que voltaram a cair na tentação da maconha, que agora até corremos o risco de apanhar do Capitão Nascimento, de saco plástico na cabeça e tudo: “São vocês, da direita religiosa doidona, que financiam essa merda!”.
Continua»

Tags: , , , , ,
Publicado em Contos | 2 Comentários »

Soneto do Desmemoriado

Quantas vezes censurou-me a memória: «Diz o já dito! Do novo se esquece! «Datas? Nomes? Tudo aí se arrefece! «Meus esforços? Pra você são escória!» Que pena não ser bem mais esquecido! Quisera eu já não tê-la em minha mente! Pernas, olhos, voz, mãos — a boca quente! Quisera não ser da dor o...
Continua»

Tags: ,
Publicado em Poemas | Sem comentários »

Amor e tempo

Amor e tempo

Um dos trechos do livro de Carl Sagan que mais me impressionaram, e de que jamais me esqueci, foi a dedicatória à sua esposa: "Para Ann Druyan — Diante da vastidão do espaço e da imensidade do tempo, é uma alegria compartilhar um planeta e uma época com Annie".
Continua»

Tags: , , , , ,
Publicado em Crônicas | Sem comentários »

O chilique do cabeleireiro diante da modelo

O chilique do cabeleireiro diante da modelo

A modelo, constrangida, ainda não entendia o que estava acontecendo. Na verdade, não acreditava que tivesse realmente algo a ver com a situação. Ela, ao contrário do maquiador — e devemos ao cabeleireiro ao menos essa gentileza —, vinha sendo poupada das razões daquele atraso.
Continua»

Tags: , ,
Publicado em Crônicas | 2 Comentários »

O machista feminista

O machista feminista

Tempos atrás participei de um encontro literário na Casa Mário de Andrade, em São Paulo, onde, ao longo de uma semana, debati com outros autores as perspectivas da literatura brasileira neste novo milênio. Foi lá que, entre outros, conheci pessoalmente Elisa Andrade Buzzo, Luis Eduardo Matta, Miguel Sanches Neto, André de Leones, Fabrício Carpinejar...
Continua»

Tags: , , , , , , , , ,
Publicado em Contos | 21 Comentários »

Hilda Hilst, o IPTU e a Chave da Cidade

Hilda Hilst, o IPTU e a Chave da Cidade

Quando Hilda Hilst faleceu, em 4 de Fevereiro de 2004, devia cerca de 800 mil reais de IPTU. Dois anos antes, a dívida era de 500 mil reais. Quando morei com ela, a dívida já era altíssima, salvo engano, aí pelos 300 mil reais. Mas, pouco antes de conhecê-la, quando a dívida já a...
Continua»

Tags: , , , , ,
Publicado em Crônicas | Sem comentários »

Outro “causo” do Bruno Tolentino

Às vezes me vêm à lembrança algumas conversas marcantes que tive com o poeta Bruno Tolentino. Ele tinha o costume de pilheriar no tom mais sério e, caso o interlocutor não percebesse o humor clandestino, seguia em frente, como se nada tivesse acontecido. Sempre com a ironia mais fina, inglesa. E era assim com...
Continua»

Tags: , , , ,
Publicado em Crônicas | Sem comentários »

Homem também tem pêlo

Homem também tem pêlo

Em Junho de 1999, quando eu já morava na Casa do Sol havia quase nove meses, a atriz e diretora Bete Coelho e a figurinista e cenógrafa Daniela Thomas foram visitar Hilda Hilst. Ambas participavam do projeto de adaptação para teatro do livro O Caderno Rosa de Lori Lamby, cuja protagonista seria vivida por...
Continua»

Tags: , , , , , , ,
Publicado em Crônicas | Sem comentários »

Translate this page

Conteúdo

Social


    Curta minha página


    Siga-me no Facebook




    Cadastre seu endereço de email e receba automaticamente os posts publicados:


PayPal

Faça uma doação!

O Autor

Yuri Vieira é escritor e cineasta. Saiba mais.

Visitas