Posts Tagged ‘ Crônicas ’

Sobre novos autores

Após me deparar com tantos escrivinhadores confessio(ba)nais, com tantos vomitadores de surubas existenciais, com tanta gente que não conhecia a necessidade de, arriscando-se a cair no abismo, sempre dar ainda outro passo para atrás – e só então verdadeiramente apreciar e apreender um quadro geral da existência digno de ser narrado –, desenvolvi um...
Continua»

Tags: , , ,
Publicado em Crônicas | Sem comentários »

Do ócio locomotivo ou Efeitos do Second Life

Outro pensamento que me assolou durante todo o trajeto foi: qual será a resolução do mundo? Digo, a resolução gráfica, porque é tudo tão bem definido. A gente vê os mínimos detalhes das flores e das árvores, uma coisa fascinante.
Continua»

Tags: , ,
Publicado em Crônicas | Sem comentários »

Humanose

Montes de peregrinos lavando a poeira e o cascão de centenas de quilômetros de andanças, corpos sendo cremados às margens (a cinza voando em direção às águas), gente comendo e molhando a comida na água, provavelmente muita gente urinando porque - puts, grila - não é possível que mijem nas piscinas de Caldas Novas...
Continua»

Tags: ,
Publicado em Crônicas | Sem comentários »

A luz do Bob Esponja

Eu juro que não faço de propósito. É que eu sou assim mesmo, um cara meio esquisito. Digo isso porque, sempre que volto a conversar com o Cassius Pucci Cordeiro, diretor de fotografia do meu curta-metragem (Espelho), ele se recorda dessa história. A questão é que eu queria uma iluminação XYZ para nosso filme,...
Continua»

Tags: , ,
Publicado em Crônicas | Sem comentários »

O potencial do Second Life

O aspecto revolucionário do Second Life está em seu potencial, não naquilo que ele já é. (Um artigo sobre a realidade virtual -- metaverso -- que, apesar de crescer pouco, segue crescendo firme e forte, a despeito do que a imprensa vem noticiando.)
Continua»

Tags: , ,
Publicado em Artigos, Crônicas | Sem comentários »

O dia em que a Terra parou

O dia em que a Terra parou

Toda invenção humana não almeja outro fim senão a vitória sobre as limitações impostas pelo tempo e pelo espaço. E sei que não preciso citar muitos exemplos para provar tal afirmação. Uma simples meditação sobre os artefatos tecnológicos que nos cercam já constitui uma fonte de indícios demasiado ampla. Até mesmo uma lâmpada não...
Continua»

Tags: , , ,
Publicado em Crônicas | Sem comentários »

Translate this page

Conteúdo

Social


    Curta minha página


    Siga-me no Facebook




    Cadastre seu endereço de email e receba automaticamente os posts publicados:


PayPal

Faça uma doação!

O Autor

Yuri Vieira é escritor e cineasta. Saiba mais.

Visitas